DICAS DE COMO VIAJAR COM SEU CACHORRO

Se viajar já é bom, na companhia do seu cachorro fica ainda melhor!

Recentemente fomos ao Marrocos com o Theo, conhecer um pouco da cultura local e fotografar para a nossa coleção Marrakesh. Foi preciso pesquisar muito e cuidar de alguns detalhes relacionados ao Theo antes da viagem, então, baseado no que vivemos, separamos algumas dicas para viajar de avião com seu cachorro.

O primeiro passo é ver quais são as exigências para transportar seu cachorro na companhia aérea da sua viagem. Para Marrocos fomos com a Royal Air Maroc e eles nos deram todo suporte! 

Tendo as exigências em mente, é hora de correr atrás dos documentos do seu cachorro. Cada país tem suas regras, mas o CZI (Certificado Zoosanitário Internacional) é obrigatório para entrada em todos os continentes, e ter um passaporte para o seu cachorro também pode facilitar muito alguns momentos na ida e volta. 

Para emitir o CZI, você vai precisar agendar um horário no Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro). Tenha em mãos os seguintes documentos:

  • Atestado de saúde assinado por um médico veterinário;
  • Caderneta de vacinação (verifique quais vacinas são obrigatórias para entrar no país de destino);
  • Comprovante de microchipagem (se necessário). 

Leve todos esses documentos não só pra tirar o CZI, mas pra viagem também!

Quando começar a planejar sua viagem, pense em buscar hotéis que aceitem cachorros! No nosso caso, das 10 cidades que visitamos, somente em Chefchouen alguns Riads não aceitavam cachorros.

As companhias aéreas costumam oferecer duas opções para transporte de animais: cabine e bagageiro. A maioria aceita um peso de até 10kg contando com a caixa de transporte (kennel) no avião. A Royal permite que animais de até 5kg com o kennel viaje na cabine. Passando desse limite, o cão precisa ir no bagageiro. É importante estar atento às dimensões e ao material da caixa de transporte, ela deve caber embaixo da poltrona do avião. 

Se o seu cachorro for te acompanhar durante o voo e não estiver acostumado a ficar dentro do kennel, uma boa dica é, um tempo antes da viagem, ir familiarizando-o com o local em que ele vai passar as próximas horas. 

O Theo foi com a gente no avião por ser um cão de suporte emocional. Animais que cumprem essa função, ajudam no tratamento de ansiedade e depressão, e dependem de um diagnóstico prévio de um especialista. Muitas das companhias aéreas reconhecem esse suporte e isso dá o direito do seu amigo ir ao seu lado durante o voo. 

Mais uma vez agradecemos a Royal Air Maroc pelo cuidado com o Theo durante o voo! Nos colocaram em ótimos assentos para deixá-lo o mais confortável possível. <3

Conforme sua viagem for se aproximando, comece a pensar no check-in. Fazer o check-in cedo pode te ajudar a escolher um bom lugar para ficar com seu cachorro. Não deixe pra cima da hora! É aconselhável não escolher os assentos próximos a saída de emergência pois são lugares que numa emergência contam com a ajuda do passageiro, e você estará acompanhado. 

Não dê nenhum remédio para o seu cachorro com o intuito de acalmá-lo ou algo do tipo, pois pode ser um problema na fiscalização. Seu animal precisa estar em bom estado de saúde para entrar no país de destino.

Durante o voo ofereça petiscos e brinquedos para que ele possa se entreter e evitar o estresse! 

Ah, algumas empresas não autorizam que cães braquicefálicos viajem pois por terem o focinho achatado, podem ter problemas para respirar durante o voo. Então caso seu cachorro tenha essa característica, confirme com a companhia aérea (e sempre com o veterinário!) se essa viagem é permitida. 

Viajar com o Theo foi muito tranquilo, curtimos muito essa experiência! Esperamos fazer isso mais e mais vezes! 

Tá planejando viajar com seu cachorro? Qual é o destino? Conta pra gente! 

Comments (1):

  1. @tiffanyandpom

    04/03/2020 at 11:31 am

    Achei incrível essa matéria de vocês, uma das minhas preferidas! Recentemente viajei com a minha humana no final do ano, ficamos 25 dias fora e foi minha primeira viagem, foi super tranquilo!! Experiência única. Mesmo a mudança da LATAM não aceitar mais ESAN em voos nacionais, o pessoal foi muito compreensível e a viagem foi muito tranquila! Agora já estamos nos programando para a próxima viagem!!

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

SE VOCÊ CURTIU ESSE POST, INSCREVA-SE E SAIBA MUITO MAIS.

Promoções, dicas de nutrição, lugares, comportamento e mais, direto na sua caixa de e-mail.