5827813.3a81a9f.93b0415d0c1e41d8b1d22da355145332

CORRER COM O SEU CACHORRO – CONHEÇA ALGUMAS DICAS

Antes de correr com o seu cachorro por aí, é importante tomar alguns cuidados. Por isso, separamos dicas valiosas para vocês. 

Praticar exercícios físicos é essencial na vida de todo ser humano e dividir este momento de lazer com um amigo pode ser uma experiência ainda mais prazerosa, principalmente quando esse companheiro é o seu cão. No entanto, mesmo no momento de lazer, correr com o seu cachorro exige certos cuidados para que a atividade física seja agradável na medida certa e sem riscos à saúde do cão.

Acompanhar a passada do cachorro é indispensável para que seu companheiro não acelere a respiração além do normal, sobretudo em dias quentes, quando o ritmo deve ser diminuído. Pausas para beber água são de grande importância na hora da corrida para restabelecer a temperatura corporal do animal.

Além de cuidados já esperados como hidratação e pausas para descanso, considerar as especificidades da raça também é extremamente importante. Raças de focinhos curtos como buldogue francês, pug e shih-tzu, por exemplo, não devem ser submetidas a atividades físicas intensas. Por isso, antes de tudo, consulte seu veterinário.

Segundo a carioca Bruna, tutora de Nilloka – uma Golden de 2 anos e, agora, corredora – fazer exercícios físicos acompanhada de sua cachorra mudou os hábitos da família, que agora está pegando o gosto pelo esporte por causa da cadela. “É uma coisa única compartilhar algo que você pensa que é só pra você”, diz a dupla de exercícios de Nilloka. Bruna indica ainda o exercício de correr com seu cachorro para pessoas que não estão acostumadas à prática, e afirma: “você nem percebe que ‘tá’ fazendo um exercício, porque você se diverte tanto”.

O local onde a corrida será praticada também reflete nas precauções que devem ser tomadas, por exemplo, na praia a hidratação deve ser mais frequente, pois a depender do dia a sensação térmica é bem maior que em áreas urbanas, que por sua vez, devem ter um cuidado maior quando a caminhada é feita no asfalto. A checagem da temperatura do solo é uma medida preventiva que diminui a possibilidade de queimaduras nas patas do animal, por isso, prefira horários mais frescos.

Carregar sempre um saquinho higiênico é essencial para as horas mais imprevisíveis (que não são tão imprevisíveis assim), sem falar num conjunto apropriado de peitoral e guia e da importância de verificar sempre se está bem ajustado para a prática.

Assim como atletas humanos, os cães precisam de atenção antes, durante e após a prática de exercícios físicos, por mais leves que sejam, e extrapolar o limite do seu cão pode (e será) prejudicial a sua saúde. O ideal é procurar um veterinário antes de correr com o seu cachorro ou iniciar uma nova rotina de esportes, desta forma, saúde e diversão são garantidas no ponto correto.

Veja também outros assuntos aqui no blog e dá um confere lá na loja virtual da Zee.Dog, porque sempre tem alguma novidade.

SE VOCÊ CURTIU ESSE POST, INSCREVA-SE E SAIBA MUITO MAIS.

Promoções, dicas de nutrição, lugares, comportamento e mais, direto na sua caixa de e-mail.